Ação é Ação. Projetos 2012. PJU – Tarde.

Publicado: 5 de março de 2012 em Tarde

Salve galera, como todos já sabem estamos em plena fase de implementação dos Projetos da 6ª Edição do PJU. No CCCF as coisas estão a mil por hora, e por isto estamos utilziando este espaço para divulgar nossas atividades.

Este Projeto foi assessorado pela Daniela e o Ubaldo no Centro Comunitário Criança Feliz. Após várias discussões, elaborações e trabalho de campo (Fotografia) a galera conseguiu tirar do papel suas ideias e ações. Foram 3 meses de trabalho contínuos com os jovens e o resultado vocês podem conferir nas fotos abaixo.

Detalhe: quem não foi PERDEU.

Mas fiquem calmos pois terá outra atividade do grupo, a próxima exposição será no Escadão da Escola do Barracão no próximo dia 11 de março.

Por enquanto fiquem com estas imagens.

Projeto (.) E suas Perspectivas.

E a comunidade colou no evento, isso é da hora.

OS MULÉKI É NOVIM, E FAZ UMA BAGUNÇA SIM...

Belo trampo galera... BELO!!!

QUEBRADA DO LAJEADO-SP.

A todo momento e a todo instante.

E viva a comunidade...

O diálogo fasz parte da aprendizagem e do conhecimento.

MAGDA, JESSYKA, JAQUELINE E ALCIZETE PARABÉNS PELO PROJETO MUITO BACANA.

"SONHO QUE SONHA JUNTO É REALIDADE".

Aos que colaram nosso muito obrigado.

Logo mais lançaremos um vídeozinho sobre este dia hiper importante pra comunidade e pra galera que fez o projeto acontecer.

Anúncios

Projetos 2012. PJU CCCF – TARDE.

Publicado: 3 de março de 2012 em Tarde

 

O Projeto (.) E suas Perspectivas apresenta a Exposição: Exposições Fotográficas em 2 locais da Região do Lajeado-SP.

A primeira exposição será no dia 04/03 (Domingo) na Viela da Rua João Portes del Rei a partir das 9hs até as 17hs.

A segunda e última Exposição será no dia 11/03 no escadão da Escola do Barracão das 9hs até as 17hs.

Quem puder comparecer nas atividades os jovens agradecem.

Projeto dos jovens: Jessyka, Magda, Alcizete e Jaqueline. Parabéns galera.

 

Vamos ao que interessa… Projetos 2012.

Publicado: 28 de fevereiro de 2012 em Tarde

Olá pessoal, depois de muito tempo sem deixar nenhum registro aqui volto para contar alguns causos acontecidos depois da última postagem, que faz muito, mas muito tempo…

Pra deixar todos bem esclarecidos: TODOS OS PROJETOS DA TURMA DA TARDE FORAM CONTEMPLADOS pela Banca Examinadora de Projetos do CENPEC no ano passado (2011).

Neste ano alguns já começaram a ser efetivamente efetivados e outros ainda estão em construção com os Assessores, mas um deles já ocorreu e foi muito intenso e bacana.

O projeto: Unidos por um Som aconteceu no último dia 25 de Fevereiro no CEU Lajeado, zona leste da cidade de São Paulo. A assessoria foi implacável, o nosso companheiro Alessandro Buzo se encontrou com a turma de 7 jovens durante o processo de acompanhamento do projeto; e fez junto com a galera a ideia se tornar uma realização coletiva, muito intensa e amiga entre todas as pessoas envolvidas no Projeto.

A turma do projeto ficou muito satisfeita com o resultado, alguns sentiram a falta de pessoas e público, mas isso não desanimou ninguém e quem esteve presente no evento viu o quanto foi bacana e contagioso.

Ao total foram mais de 24 horas de trampo para que a ideia saísse do papel e saiu da melhor forma. Melhor do que fizemos poderia estragar e resolvemos fazer apenas 1 ação pra mostrar que podemos fazer as coisas e com qualidade. Quem não foi – sinceramente perdeu muita coisa.

Agradecimentos:

Ao assessor Alessandro Buzo que contribuiu e muito para a efetivação do Projeto;

Aos jovens: Alexandra, Lucas, Patrick, Silva, Jennifer, Amanda, Ítala (Está em Alagoas) por terem corrido atrás de tudo, de alguns grupos e também dos comes e bebes… Valeu galera.

Abaixo vejam algumas fotos deste encontro e evento. Os verdadeiros foram os últimos… Isso é FATO!

Assessor, Companheiro e Apresentador do Evento: Unidos Por Um Som. Valeu mano.

Jovens do projeto: Patrick e Lucas.

Arte Maloqueira na atividade.

Lindomar 3L. Mano mineiro é fmz UAI!!!

Jovem cantora Janaina, moradora de Guaianases/Lajeado. Obrigado pela participação.

Todyone: poeta, grafiteiro, arte-educador, mc, b.boy e de Guaianases... Valeu mano pelo role.

MOMENTOS FINAIS QUE NOS LEVAM A ALGUNS MOMENTOS DE REFLEXÕES E AS LÁGRIMAS.

CONTRIBUIÇÃO NO GRAFFITI: xCHEx E TODYONE.

DJ assumindo as Pickups. Valeu.

UNIDOS POR UM SOM. VALEU MUITO GALERA, MUITO...

Cumprimos a Missão.

Jennifer e Alexandra. Parabéns pelos corres e pelo evento meninas.

E, depois destas fotos e de tudo que aconteceu no último dia 25 de Fevereiro só tenho que dizer:

MUITO OBRIGADO POR TEREM ME ATURADO.

Abracios.

Vander xCHE. Educador da turma da Tarde. PJU.

É isso ai galera, tanta coisa acontecendo e nós aqui no meio deste bolo sendo misturado há outros mantimentos como: Angústia, Alegria, Tensão, Dúvidas, Paixões, Vibrações, enfim tantas coisas para saber no que vai dar, o que gosto vai ser. Porém o que não faltou foi a força de vontade para entender o que ia primeiro na Batedeira, e para tirar esta dúvida Cruel colocamos tudo no mesmo aparelho, ligamos o aparelho no 220 Volts e mandamos brasa, quer dizer, rotações.

O TEMPO NÃO PÁRA. NÃO PÁRA NÃO...

A semana – antes de mais nada – foi curta. Motivo: Feriado de Finados.

Mas o primeiro dia da semana foi para finalizarmos as escritas dos Projeto e que infelizmente não conseguimos finalizá-los. Muita correria, e muita coisa para finalizar e fomos até onde deu, até onde conseguimos.

Descansamos no Feriado e voltamos na Pilha na Quinta feira.

Para descontrair a turma – se é que fosse necessa´rio por conta da correria não é mesmo?, falamos sobre a Semana Expressão Jovens Urbanos que aconteceria na semana seguinte. A turma achou bem bacana a proposta a pergunta foi inevitável:

“Porque não teve isso antes? Agora, neste momento é bem mais fácil né?”

Realmente fiquei sem o que responder, afinal de contas além de ser educador também sou um Ser Humano também não tenho todas as RESPOSTAS DO MUNDO, não é mesmo? Também não tenho nenhuma vontade de tê-las.

Na quinta feira foi o DIA D, DE ENTREGAR O PROJETO.

A turma estava na pilha para ajeitar os últimos retoques, das alguns ajustes na escrita e finalizar alguns orçamentos. Porém não fechamos totalmente os projetos e o trabalho ficou para a Sexta Feira.

Por fim terminamos a fase de escrita dos Projetos, agora nos resta uma dúvida:

A DÚVIDA...

SERÁ QUE O BOLO FICARÁ GOSTOSO?

Eis a pergunta que não teremos resposta neste exato momento.

Nos encontramos por ai, até.

PROJETOS PJU – TARDE.

Publicado: 17 de novembro de 2011 em Tarde

Salve galera, é o seguinte segue algumas informações básicas dos 3 Projetos escritos pela Turma da Tarde do PJU CCCF.

Apenas poucas ideias, o restante é necessário ver na prática.

LOGO.

O  Projeto: Unidos por um Som visa realizar 1 atividade no CEU Lajeado para englobar artistas musicais da região e grupos de dança e dançarinos/as para se apresentarem no espaço – que é público – e que precisa ser utilizado para tais fins, neste caso Culturais e Sociais. O Projeto contará com apoio de Grupos da Região, com o P´roprio CEU Lajeado e também e principalmente com o Comunidade.

Será um dia – ainda não está finalizado – de apresentações de bandas, músicos e de danças totalmente gratuito e aberto para o público.

LOGO.

O Projeto visa realizar duas exposições ao céu aberto na comunidade.

Fotografar a quebrada é a pegada do grupo, o mesmo pretende fotografar uma viela e um escadão da comunidade e com isso montar uma Exposição nos espaços onde serão fotografadas imagens que falam sobre a importância de valorizar e preservar o espaço onde se vive e onde geralmente é um espaço de encontro de muitas pessoas da comunidade.

Terão duas exposições com datas a serem divulgadas no ano que vem.

PROJETO GRAFFISTORIANDO – SEM LOGO.

O Projeto tem como proposta Graffitar 3 muros da região contendo informações sobre a História, Atualidade e o Futuro que A Comunidade espera para os bairros do Jd. Fanganiello e Jd. Bandeirantes. E, para fazer este levantamento de dados os jovens iram fazer entrevistas com os moradores/as da região para levantar questões que permite – de certa forma – a construção dos Murais de Graffiti.

Serão convidados grafiteiros/as da região para ajudar na construção dos muros.

TOMARA QUE TODOS OS PROJETOS SEJAM ANALISADOS E CONTEMPLADOS.

ATÉ.

 

Tempo recorde?

Nada disso…

Mas, como assim 2 pauladas em apenas 1 semana?

É isso que você orá descobrir abaixo, lendo é claro nosso Registro.

Pois bem galera, estamos entrando nas etapas finais (ou iniciais) do Programa Jovens Urbanos, mais conhecido como: PJU.

Uhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh, aqui é o PJU? Isso mesmo, isso pra vocês que nunca observou ou nunca teve a curiosidade do que se trata este espaço.

Semana de correria extrema em todos os pontos cardeais possíveis de se imaginar na turma, isso porque entramos na fase de ESCRITA DE PROJETOS. Para alguns jovens momento de desespero, para outros dúvidas, dúvidas e muitas dúvidas, até sobre o período de recebimento das Bolsas (Que não erão mais de 10 meses) foi assunto na turma. E isso deu uma conversa, na língua dos jovens: FRENÉTICA.

Estávamos todos empilhados de como começar a escrever os projetos, por este motivo demos uma pausa de 2 semanas em nosso Quilombo planejando, discutindo e colocando no papel nossas ideias e os planejamentos Possíveis Projetos. Lembrando a todos que isso é uma maneira de:

“Resistência, mediante a tudo que vivemos neste programa…” Rafael Crazzy.

Mas é valido salientar a todos e todas que NINGUÉM FOI OBRIGADO A ESCREVER OS PROJETOS, ou simplesmente de terem que estar inseridos/as em alguma ideia. Com isso seguimos em frente.

Felizmente 1 das ideias já descritas em uma postagem anterior caiu, foi a de fanzine. Em conversa com o grupo – de 3 pessoas – foi colocada a situação dos mesmos para desenvolver o projeto, e a resposta foi:

“Eu acharia bacana fazer, mas não é o que vem de dentro de mim, e fazer por fazer não é bacana.” Erivaldo;

“A minha proposta é de estar em outro Projeto, esse eu topo fazer mas não irá me satisfazer.” Heittor.

Contudo foi colocado para as pessoas: Em qual projeto vocês gostariam de participar e colaborar? Os meninos escolheram o Projeto de Graffiti enquanto a Jovem Verônica preferiu ir para o de Música de Dança.

Bom, como já comecei a falar de Projetos, as ideias que saíram do grupo foram 3 PROPOSTAS:

1- PROJETO GRAFFISTORIANDO;

2- PROJETO (.) E SUAS PERSPECTIVAS;

3- PROJETO UNIDOS POR UM SOM.

Todos os projetos foram elaborados e discutidos pelos/as jovens que estiveram presentes durante estas 2 semanas (18 – 20 e 25 – 27 de Outubro), por isso que foi bem FRENÉTICO.

Ahhhhhhhhhhhh, estava me esquecendo, no meio desta correria toda tivemos uma das últimas atividades programas pelo CENPEC que foi a Visita monitorada ao Museu Afro Brasil no dia 20 de Outubro, coincidência ou não 1 mês antes do dia 20 de Novembro (Dia da Consciência Negra). Pois bem, lá estivemos em 15 jovens contando é claro com a presença de quem vos escreve. Fizemos um role bem bacana pelo Parque do Ibirapuera – pois muitos jovens não conheciam o espaço.

CHEGANDO AO PARQUE DO IBIRAPUERA.

UMA PAUSA PARA FOTO... AO FUNDO UM MURAL DOS OSGEMEOS.

NO SAGUÃO DO MUSEU AFRO BRASIL.

Em nossa exploração tivemos como Monitoria o jovem Cleiton que trabalha da área educativa do Museu. ele nos acompanhou durante a visita ao espaço fazendo diversas reflexões com a turma e também sobre a realidade em que vivemos em nossas comunidades.

UMA RODA DE CONVERSA.

MÃOS NA OBRA DE ARTE - CONTEMPORÂNEA.

NOSSA IDENTIDADE E NOSSAS DIGITAIS.

NÃO PODIA, MAS TIRAMOS UMA FOTO.

ÚLTIMAS IDEIAS TROCADAS MAS A SENSAÇÃO É DE TER TIDO CONTATO COM A NOSSA HISTÓRIA.

Bom, acho que a semana não foi somente a 1000 kh, vamos dizer que foi uma exploração bem divertida, diferente, cansativa mas recompensadora. De tanto Stress mereciamos uma exploração desse porte.

LÁ ESTIVEMOS.

NÓS NO CENTRO E A NATUREZA AO NOSSO ARREDOR.

E pra finalizar, fomos visitar uma Obra do Victor Brecheret em frente ao Parque do Ibirapuera.

É NÓIS EM QUALQUER LUGAR.

MAIS UMA PRA COLEÇÃO.

E assim foi as nossas semanas de correria de Escritas de Projetos.

Até mais ver.

Ahhh, ia esquecendo novamente, pra você que quer ver mais fotos acessem no PICASAWEB:

https://picasaweb.google.com/111666399490175095975

E AINDA NA 36ª SEMANA TIVEMOS ATIVIDADE.

Publicado: 7 de novembro de 2011 em Tarde

Olá galera, na quinta feira 13/10 tivemos um encontro marcado com a ASHOKA, e pra este encontro todos os PJUenses foram convidados/as a participarem de uma atividade diferente, que envolve principalmente as ideias inicias de projetos.

Pois bem, lá estivemos com este intuito de expressar nossas sensações e também nossas angústias neste momento de criação, discussão, elaboração das ideias dos Projetos para colocá-las em prática.

No encontro tivemos uma dinâmica de interação com todos e todas participando…

ENCONTROS E DESENCONTROS...

Em seguida, realizamos outra dinâmica onde fechamos um Combinado para estabelecer um encontro Produtivo e cheio de informações para nos dar caminhos e sugestões de planejamentos…

FOCO... É ISSO QUE MERECEMOS. FOCO!

Enfim, foi uma tarde diferente mas para alguns jovens foi bem confusa.

“Não consegui entender o objetivo do encontro, porém como tem que participar eu participei.”

“Talvez isto seja necessário para discutirmos no ONG (ideias de projetos), mas já que estamos aqui vamos ver no que vai dar.”

E assim foi a nossa 36ª Semana de atividades no PJU, agora estamos entrando na reta final, de escrever projetos e esboçar nossas ideias.

Abaixo segue mais fotos da Apresentação dos Produtos elaborados, discutidos e exibido pelas turmas do PJU.

JOVEM RAFAEL CRAZZY E SEU DESFILE.

MAIS PROJETOS... USE A FITINHA E SE PREVINA DAS DST'S.

MAIS IDEIAS.

CAMISETA ULTRA MODERNA...

LEITURA INTERATIVA.

REUNIDOS ESTAMOS, ASSIM QUE É.

UMA DANÇA PRA DESCONTRAIR NOSSA GALERA.

PORQUE ESTA IMAGEM?

ALEGRIA, ALEGRIA E ALEGRIA. LEIA O TEXTO ABAIXO E SE DIVIRTA.

Como é bom revermos nossa História de convívio e de vida não é mesmo?

Relembrar é VIVER, diz alguns poetas por ai. E tenho a certeza plena que isso é realmente verdadeiro.

Os momentos até aqui foram únicos e cheios de surpresas a cada passo dado, a cada descoberta e também a cada descontentamento dos anseios e vontades de descobrir e conhecer o desconhecido.

A cada escolha que fazemos em nossas vidas recusamos outras, não é mesmo? Ainda bem que isso acontece, pois estar aqui ou em qualquer outro lugar não é em vão, sempre tem uma pitadinha de: Porque isso é comigo? E a resposta é simples: Por que era pra ser!!!

Talvez o que tivemos até agora no PJU do CCCF foram surpresas, novas descobertas e principalmente diversos questionamentos, referente ao PJU, as Bolsas e até o comportamento de quem vos escreve, este pequeno educador.

Sem dar o ar de despedidas ou até mesmo termos um momento de nostalgia estamos aqui por queremos deixar o que fazemos registrados, talvez este Blog nunca seja visto por mais ninguém, ou por poucas pessoas, até mesmo ficar nos baús da Internet, porém o que vale a mesmo são as vivências, as práticas e tudo o que é necessário caminharmos pra frente e fazer nosso caminho, como dizem os jovens: Fazendo seus Corres.

E olham, corremos tanto pra chegar até aqui que o momento pede e implora: NÃO DESISTAM! E com certeza não iremos parar, pois agora que pegamos o gostinho de dar os roles parar pra que né?

Nesta semana fizemos; pra fechar a discussão da nossa história, um trabalho de relembrar todos os caminhos que trilhamos, ladrilhamos juntos e misturados. e para isso as nossas fotos foram necessárias para ajudar neste momento. A única informação que deixei claro pra galera é que – neste momento – as EXPLORAÇÕES ESTÃO TEMPORARIAMENTE FORA DE CIRCULAÇÃO. Como o momento pede uma apropriação e aproximação maior com ideias, questões e sugestões de Projetos, demos o maior apoio para as ideias surgirem sem pressão e sem agressão.

Sendo assim, apenas cumprimos com o Protocolo do CENPEC, que vocês verão na próxima postagem.

Tivemos a presença do nosso amigo Julio que veio falar com a galera sobre o Conselho Tutelar e também um pouco do seu trabalho na comunidade. Foi uma conversa bem diferente e bacana, ouvimos um poema lindo declamado pelo nosso amigo e depois realizamos nossas atividades.

A proposta era a seguinte, cada um/a tinha que escolher uma FOTO e comentar sobre alguma situação que marcou ou que veio na mente daquela imagem. Como não tinha carregado a câmera não consegui pegar este momento, mas as falas dos jovens foram registradas no papelzinho e guardadas comigo mesmo.

“Nesta foto lembro que fomos perseguidos por seguranças do Trem, foi complicado ser vigiado mas ao mesmo interessante pois sabemos o quanto perturbamos outras pessoas.” Exploração ao Centro da Cidade de São Paulo – Teatro Municipal, Prefeitura de SP;

“Este dia foi interessante, pois a peça de teatro falava de situações que vivemos para fazer nossas escolhas.” Exploração ao CEU Lajeado – Peça de Teatro;

“Neste dia estávamos juntos e misturados literalmente.” Exploração ao Pico do Jaraguá.

É, são tantas coisas que as vezes nos perdemos, e é exatamente por isso que colocamos aqui nossas aventuras e conhecimentos para todos verem, acessarem, discutirem, discordarem e principalmente VISUALIZAREM a nossa realidade.

Realidade essa que é cercada de crianças que vivem e sonham por dias melhores. E nada mais justo do que desejar a todas as pessoas um FELIZ DIA DAS CRIANÇAS, pois afinal de contas somos todas CRIANÇAS FELIZES, NÃO É MESMO?

CRIANÇAS FELIZES.

Mas, e cade nós?

Segue abaixo:

DE ONDE VEM NOSSAS VIDAS VIRÃO OUTRAS.

NÓS. SOMOS NÓS.

CONVERSA COM NOSSO AMIGO JULIO, É NÓIS.

Abracios e nos acompanhem ai nesta parada que chamam de BLOG.

FUI.

Pois é Diário Virtual, parece que seu acesso diminuiu né? Tudo bem, não tem problema não, a culpa é da Crise Mundial que não deixa as pessoas acessarem nós. E, quer saber de uma coisa: vamos fazer a nossa parte, beleza?

Enfim, me desculpe ai galera, não dava pra deixar passar isso em branco, tive que deixar transcrito aqui este pequeno desabafo, talvez esta postagem seja a resposta para algumas perguntas referentes ao nosso Atraso ou ao nosso Não Comprometimento em fazer as coisas nos seus devidos dias, horários e locais.

Por fim, chega de desabafo e vamos aos registros desta semana que foi corrida e da hora.

Gente, só pra deixar claro: o Mês virou, estamos em Outubro e faltam poucos dias para nós finalizarmos nosso trabalho Pedagógico.

Primeiro dia da semana lavamos algumas roupas sujas entre nós, nem tudo é maravilha.

Conversamos um pouco sobre problemas de relacionamento da turma com algumas pessoas da própria turma, relatamos as questões que foram ocasionadas da semana anterior (da qual não estive com a turma na quarta e quinta feira). Falamos da importância de respeitarmos as pessoas para também sermos respeitados.

Após esta discussão e com os pingos nos is, realizamos um rolex na quebrada, Isso mesmo um rolex.

NOSSA ÁREA VERDE, NATUREZA A CÉU ABERTO.

ETA PAISAGEM NÉ? SÓ AQUI DO JD FANGANIELLO MESMO.

VISÕES HORIZONTAIS. APENAS VISÕES.

Enquanto estávamos na praça e na rua li pra galera o Auto Retrato aos 57 anos de Graciliano Ramos. Quando terminei a galera disse: Nossa Che, você já leu este poema pra nós.

E eu perguntei: Quando?

“Nossa, foi nos primeiros dias do PJU e depois você pediu pra nós fazermos uma carta que falasse sobre nós”. Ítala. Pois bem, foi exatamente isso que fizemos.

E isso foi feito – novamente – com o intuito de sentirmos o HOJE, o AGORA e por isso repetimos a dose.

É NÓIS.

Segundo dia da semana foi assim, marcamos uma ATIVIDADE EXTRA, pois a ideia era irmos para a Casa de Cultura de Guaianases e participar de uma roda de discussão e apresentação de Projetos da Comunidade, foi bem bacana. Contamos com os coletivos: TENDA LITERÁRIA, ARTE MALOQUEIRA, CARROÇA CULTURAL E O PROJETO FRAGMENTOS PLINIANOS que a proponente deste projeto foi uma Jovem Urbana. Contamos com a Presença do Julio Cesar Andrade que nos trouxe algumas informações sobre Arte e Cultura.

Abaixo segue algumas fotos:

INTERVENÇÃO POÉTICO COM RAIMUNDO JUSTINO. EDUCADOR E POETA.

JULIO APRESENTANDO UM POUCO DA ARTE E CULTURA.

CARROÇA CULTURAL E ARTE MALOQUEIRA SE APRESENTANDO.

FAZER UMA CIRANDA NÃO É NADA MAL...

BORA............. DANÇAR.

Isso não pode faltar no registro: Nesta exploração estávamos em 15 jovens da turma da tarde.

E pra finalizar esta semana intensa fomos Explorar um dos espaços mais próximos de nós e ao mesmo tempo ficava cada vez mais longe para explorar. O local escolhido: por sugestão de alguns jovens, foi ao Museu da Língua Portuguesa.

NA PORTA DO MUSEU.

VAMOS QUE VAMOS.

A ÁRVORE DAS PALAVRAS E NÓS SOMOS OS CULTIVADORES DESTA ÁRVORE.

RAFAEL E CESAR NA INTERATIVIDADE COM O MUSEU.

QUAL A ORIGEM DE NOSSA LÍNGUA? PORTUGUESA, ESPANHOLA, INDÍGENA, AFRICANA...

PRA REFLEXÃO...

É NÓIS UMA...

DUAS...

TRÊS...

PRONTO, CHEGA. KKKKKKKKKKK.

PÚBLICO PRESENTE NESTA GRANDE EXPLORAÇÃO:

17 PESSOAS.

PÚBLICO PAGANTE: NENHUM, FOI NA FAIXA.

ABRACIOS E ATÉ MAIS GALERA.

POR QUE ESTAMOS AQUI… AINDA? 34ª SEMANA TARDE.

Publicado: 10 de outubro de 2011 em Tarde

Voltemos aqui para deixar um pequeno resumo da atividade em nosso registro virtual desta 34ª do PJU no CCCF.

Como vimos na postagem anterior, muitas vezes quando voltamos para trás para realizarmos execícios e lembrar de momentos especiais em nossas vidas a tendência de se emocionar e dar risada é inevitável. E isso não seria estranho se acontecesse conosco.

O “Filme” das nossas vidas seriam interminável, não é mesmo? Talvez nem o MIS suportaria as mais de 1917 fotos das turmas da manhã e da tarde que temos em nosso acervo virtual do PicasaWeb e também alguns minutinhos que temos de vídeos que precisam ser editados.

Ao sermos vistos desta forma, o número 1917 coincide com o último ano da Primeira Guerra Mundial e também com a REVOLUÇÃO RUSSA. Pois bem, para quem está no PJU desta 6ª Edição sabe que foi uma briga atrás de outra para estarmos contínuos aqui, desde as grandes expectativas das turmas como também dos educadores – que se formaram durante o processo do Programa – sabemos que não foi nada fácil. Segue algumas baixas:

  • Alguns desistiram;
  • Outras pessoas abandonaram nós no meio do caminho;
  • Alguns mudaram de lado e poucos foram boicotados por serem diretos demais ou simplesmente por não concordarem com algumas posições e estratégias que foram elaboradas;
  • E, mesmo assim estamos aqui, firmes, fortes pra prosseguir neste caminho.

E como estamos vivendo esta experiência decidimos registrar este momento para deixar fixo – nem que seja somente para nós – a nossa expectativa no programa.

A pergunta era: POR QUE AINDA ESTAMOS AQUI?

A turma registrou através de um texto comentando sobre este processo que vivenciamos e ainda estamos vivendo – dentro e fora do PJU. Abaixo segue algumas fotos desta atividade.

NOSSOS REGISTROS.

MAIS...........

OPA, MAIS UMA...............

QUASE FINALIZADO.

No dia seguinte, a galera que fez a Experimentação nas ETECs foram pegar os certificados de conclusão das atividades, como eu fiquei debilitado não pude comparecer na ONG nos dois dias seguintes. A galera ficou ciente dos meus problemas que compreenderam nunca boa.

Logo mais segue mais informações de nós, abracios, fui.